10 alimentos com boa safra em julho para economizar no mercado

10 alimentos com boa safra em julho para economizar no mercado

Saiba quais vegetais estão em época neste mês e aprenda algumas receitas!

O mês de julho começou e, com ele, o frio e a umidade relativa do ar mais baixa. Toda essa mudança provoca alterações na disponibilidade de alimentos, que podem ser mais caros ou mais baratos, dependendo da safra.

A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) possui uma tabela com as principais hortaliças com boa oferta em julho. Confira quais são e aprenda algumas receitas clicando no título ou na foto.

1. Atemoia

Atemoia (Foto: Elisa Correa/Editora Globo)
A atemoia possui as qualidades da cherimoia – polpuda, com menos sementes do que a fruta-do-conde –, mas que suporta temperaturas mais elevadas no cultivo do que a original andina (Foto: Elisa Correa / Editora Globo)

A atemoia é uma fruta resultado de uma experiência do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos em Miami, em 1908, que testou o cruzamento da fruta-do-conde (Annona squamosa) com a andina cherimoia (Annona cherimola). A mistura deu certo e se tornou um fruto muito consumido no Brasil, rico em vitamina C, fibras e potássio.

2. Carambola

Carambola: conheça os benefícios e aprenda 6 receitas com a fruta (Foto: Getty Images)
A carambola é um fruto antioxidante e diurético (Foto: Getty Images)

Originária da Ásia Tropical, a fruta é rica em vitamina C, magnésio, potássio, fósforo e betacaroteno e possui função antioxidante e diurética. Os brasileiros costumam consumi-la fresca, em sucos, saladas e sobremesas.

3. Cará

O cará é um vegetal mais comprido e tem poucos pelinhos na casca (Foto: Manoel J. Silva/Wikimedia Commons)
O cará é um vegetal mais comprido que o inhame e tem poucos pelinhos na casca (Foto: Manoel J. Silva / Wikimedia Commons)

O cará é um tubérculo bastante nutritivo, com grande concentração de fibras, rico em carboidratos e tem poucas calorias. Geralmente confundido com o inhame, esse vegetal é um pouco mais comprido e possui poucos fiapos na casca.

4. Cupuaçu

O cupuaçu é um fruto típico do norte do Brasil (Foto: Thinkstock)
O cupuaçu é um fruto típico do norte do Brasil (Foto: Thinkstock)

Assim como o guaraná e o açaí, o cupuaçu é uma fruta amazônica rica em vitaminas, principalmente a C, sendo um alimento com propriedades antioxidantes. O fruto pode ser ingerido como suco, sorvete, creme, balas, bolos e tortas.

5. Ervilha

Grãos como as ervilhas possuem ferro, que age na manutenção do sistema imunológico (Foto: R Khalil/Pexels)
Grãos como as ervilhas possuem ferro, que age na manutenção do sistema imunológico (Foto: R Khalil / Pexels / CreativeCommons)

Fonte de proteínas e de carboidratos, apesar de não ser originária do Brasil, e sim da Ásia, a ervilha é muito consumida por aqui. Mais usada como ingrediente coadjuvante, às vezes a ela também é a protagonista, como em purês e sopas.

6. Inhame

Conheça as propriedades do inhame e nove receitas com o ingrediente (Foto: Istock/ Reprodução)
O inhame pode ser preparado de diversas maneiras e incorporado em pratos doces ou salgados (Foto: Istock / Reprodução)

Originário da Ásia, o inhame já era cultivado na Índia 5 mil anos antes de Cristo. O vegetal é rico em vitaminas do complexo B e em cálcio, ferro e fósforo. Na cozinha é bastante versátil: pode ser cozido em água, no vapor, assado, ralado, frito, virar purê, bolinho e até doce. As folhas também podem ser cozidas ou refogadas.

7. Mandioca

Aipim, mandioca ou macaxeira são alguns dos nomes que o alimento tem no Brasil (Foto: Pixabay/Feraugustodesign/CreativeCommons)
Aipim, mandioca ou macaxeira são alguns dos nomes que o alimento tem no Brasil (Foto: Pixabay / Feraugustodesign / CreativeCommons)

A mandioca, muito consumida pelos índios brasileiros, faz parte da base da culinária do povo brasileiro, ao lado do milho e da batata. Dela se faz o beiju, o tucupi e a farinha de mandioca.

8. Mandioquinha

A mandioquinha é um tubérculo cultivado em várias regiões do mundo, com inúmeras vantagens para a saúde (Foto: Pexels/ Daniel Dan/ CreativeCommons)
A mandioquinha é um tubérculo cultivado em várias regiões do mundo, com inúmeras vantagens para a saúde (Foto: Pexels / Daniel Dan / CreativeCommons)

Conhecida como mandioquinha, batata-baroa, batata-salsa, batata fiúza, cenourinha-amarela ou cenourinha-branca, esse é um dos alimentos que está na base da culinária brasileira. O tubérculo possui mais água que a mandioca tradicional e é rico em vitaminas A, B (B1) e C.

9. Mexerica

A mexerica tem diversos nomes pelo Brasil, como tangerina, mimosa e bergamota (Foto: Pixabay/SamaraPacheco0/CreativeCommons)
A mexerica tem diversos nomes pelo Brasil, como tangerina, mimosa e bergamota (Foto: Pixabay / SamaraPacheco0 / CreativeCommons)

Mexerica, também conhecida por tangerina ou bergamota em algumas regiões do país, é uma fruta cítrica também rica em vitamina C e água. É comum ser usada em sucos, drinques e bolos.

10. Morango

 Morango é um ótimo ingrediente para ser usado no preparo de sobremesas variadas, bebidas com e sem álcool (Foto: Pixabay/ Alexas_Fotos/ CreativeCommons)
O morango é um ótimo ingrediente para ser usado no preparo de sobremesas variadas, bebidas com e sem álcool (Foto: Pixabay / Alexas_Fotos / CreativeCommons)

O morango é uma unanimidade quando falamos em frutas. Ele costuma agradar a todos os paladares e pode ser usado para sobremesas variadas, drinques e até pratos salgados. Com poucas calorias e muitas vitaminas, também é uma boa opção para quem está de dieta e tende a ser mais barato no inverno.