Nossas retinas são tão complexas que superam a engenharia

Nossas retinas são tão complexas que superam a engenharia

A estrutura de nossas retinas está quilômetros à frente de qualquer coisa que a engenharia possa alcançar até agora. As informações vêm de um artigo da Universidade Duke (EUA). Estudos anteriores mostram que a seleção natural foi responsável por moldar as retinas dos seres vivos.

Pesquisadores já chegaram a provar que as retinas de ratos e macacos são dispostas em um mosaico tridimensional de células que trabalham para construir a imagem. Agora, nesse novo estudo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences, os pesquisadores começaram a entender esse conceito, e o analisaram por meio de simulações e cálculos matemáticos. “Os mosaicos não se sobrepõem apenas aleatoriamente”, afirmam os pesquisadores.

(Imagem: Sharon McCutcheon/Unsplash)

“Estamos fazendo uma previsão de como milhares de células se organizam. As retinas do macaco e do humano são quase indistinguíveis. O fato de termos observado isso na retina do macaco nos dá uma confiança de que nossas retinas estão dispostas da mesma maneira”, acrescentam os estudiosos.

Eles reiteram que a retina não é um mosaico só, mas sim uma série de mosaicos empilhados, sendo que cada um codifica algo diferente sobre o campo visual. O estudo reflete que a sobrevivência de animais como os ratos não depende das coisas que são fáceis de ver, mas sim daquilo que é mais difícil enxergar, por isso a retina se concentra em detectar esses detalhes mais complexos. O estudo completo pode ser observado aqui.