Dicas para preparar o jardim e cuidar de plantas e flores para a primavera

Dicas para preparar o jardim e cuidar de plantas e flores para a primavera

Vem chegando a primavera e agora é o momento de cuidar do jardim. O final do inverno é uma época muito boa para você fazer as podas nos arbustos, a limpeza de folhas secas ou velhas, e caprichar na adubação para que, quando entre o período de chuvas e de calor, as plantas comecem a brotar.

Existem no mercado vários tipos de adubos, sendo eles: orgânicos, inorgânicos e organominerais, que são um mix dos dois tipos.

O Bokashi hoje é considerado o adubo orgânico mais eficiente e completo (Foto: Renato Navarro)
O bokashi hoje é considerado o adubo orgânico mais eficiente e completo (Foto: Renato Navarro / Divulgação)

Entre os orgânicos mais conhecidos, temos o húmus de minhoca, o esterco de gado ou galinha, e a farinha de ossos (que contém fósforo e cálcio e ajuda a equilibrar o pH da terra). Não há nenhuma contraindicação para o meio ambiente e o sonho de um mundo ecologicamente correto seria que o planeta todo só usasse esses tipos de adubo.

bokashi hoje é considerado o adubo orgânico mais eficiente e completo. Ele pode ser farelado ou líquido e é resultado da fermentação de resíduos vegetais e animais. Contém vários micro e macro nutrientes, microorganismos eficientes e deve ser usado sem misturar com outro adubo.

Entre os orgânicos mais conhecidos, temos o húmus de minhoca, esterco de gado ou galinha, e farinha de ossos (Foto: Renato Navarro)
Entre os orgânicos mais conhecidos, temos o húmus de minhoca, o esterco de gado ou galinha e afarinha de ossos (Foto: Renato Navarro / Divulgação)

Por outro lado, existem adubos químicos, sejam eles líquidos, concentrados para serem diluídos, sejam de aplicação direta, ou granulados, o famoso NPK, que contém os minerais básicos para a nutrição das plantas e é aplicado misturado na terra.

N é o nitrogênio responsável pelo crescimento, desenvolvimento da planta e brotação das folhas. P é o fósforo responsável por estimular a floração e a frutificação da planta. O K é o potássio, responsável pelo fortalecimento e resistência a pragas.

Você pode encontrar adubos químicos, sejam eles líquidos, concentrados para serem diluídos ou de aplicação direta, ou granulados (Foto: Renato Navarro)
Você pode encontrar adubos químicos, sejam eles líquidos, concentrados para serem diluídos, sejam de aplicação direta, ou granulados (Foto: Renato Navarro / Divulgação)

Recentemente, conheci um adubo organomineral, que é à base de NPK e bactérias, fabricado em uma indústria de biotecnologia. São vendidos de maneira granulada e as bactérias orgânicas (muitos boas!) ficam em nanocápsulas que eclodem ao entrar em contato com o solo e a água, acelerando e potencializando os efeitos dos minerais no solo – superinteressante.

Acho que consegui dar um panorama geral dos adubos existentes no mercado, né? Agora é pesquisar e escolher o que mais te agrada e te atende melhor. Bora preparar o jardim para a brotação da primavera e assim atingir o auge da beleza no verão!

Caterina Poli (Foto: Editora Globo)
Caterina Poli (Foto: Editora Globo)

Caterina Poli (@cate_poli_paisagismo) é arquiteta paisagista e comanda o escritorio Catê Poli Paisagismo focado em projetos funcionais e jardins encantadores.