Centenas de pássaros migratórios morrem após colidir com torres de vidro de Nova York

Centenas de pássaros migratórios morrem após colidir com torres de vidro de Nova York

Voluntária encontrou quase 300 animais espalhados pelas calçadas abaixo do World Trade Center

Centenas de pássaros em migração que estavam passando pela cidade de Nova York nesta semana morreram depois de colidir com as torres de vidro dos prédios. Kaitlyn Parkins, diretora associada de conservação e ciência do grupo Audubon, disse ao The Guardian que o mau tempo pode ter contribuído para as mortes. “Tivemos uma grande tempestade, um clima meio estranho e muitos pássaros, e essa é a combinação perfeita que pode levar a colisões. Parece que a tempestade pode ter deixado os pássaros mais baixos do que estariam de outra forma, ou apenas os desorientado”, disse Parkins.

Voluntários do NYC Audubon costumam documentar as mortes de pássaros em locais de alto risco durante as migrações de primavera e outono. Melissa Breyer, a voluntária que tuitou sobre os cerca de 300 animais encontrados nas calçadas ao redor das novas torres do World Trade Center, disse que a experiência foi “avassaladora”.

A Audubon pede que os proprietários das torres do World Trade Center e outros edifícios ajudem a reduzir o número de colisões com pássaros diminuindo as luzes à noite e tratando o vidro para torná-lo mais visível para os animais.