Mulher fica com pé roxo e unha amarela ao usar tênis com piolho-de-cobra dentro

Mulher fica com pé roxo e unha amarela ao usar tênis com piolho-de-cobra dentro

Já lembrou de verificar se tem algo no seu sapato antes de calçar? A empresária Thassynara Vargas, de 25 anos, foi surpreendida ao tirar o tênis e perceber que estava com a unha amarela e o dedão do pé roxo após ter contado com uma espécie de diplópode, conhecido popularmente como piolho-de-cobra.

O relato da jovem diz que ela usou o sapato na última sexta-feira (29) e percebeu a presença do animal quando chegou em sua loja. “Matei ele, calcei o tênis novamente e segui com o meu dia. Quando eu cheguei em casa às 19h da noite, quando eu tirei um tênis, vi que o meu pé estava desse jeito”, contou no Instagram.

Piolho-de-cobra não é perigoso, mas exige cuidados

Segundo o Instituto Butantan, piolho-de-cobra na verdade é uma classe de animais que não possuem relação com os piolhos e nem com as cobras e, no geral, não são perigosos para o corpo humano. No entanto, ao serem esmagados liberam uma toxina que pode manchar a pele, como aconteceu com a jovem. Ao contrário de lacraias, esses diplópodes não possuem venenos ou garras.

“Eu entrei em desespero total!! Comecei a gritar! A pedir socorro! Minha mãe me colocou no box, comecei a lavar o pé com sabão e nada dessa “mancha” sair. Liguei para o meu namorado e logo corremos para o hospital”, disse ainda a empresária.

No hospital, a carioca foi informada que deveria lavar a feria com água e sabão e aguardar para que a coloração voltasse ao normal. Se não tratada, a lesão pode gerar problemas.

 

Imagem: Instagram

Depois de alguns dias, a empresária postou fotos mostrando a melhora do dedo após o contato com o Piolho-de-cobra. “Estou fazendo esse alerta, para que sempre antes de colocar um sapato fechado, olhem, batam o calçado no chão, prestem muita atenção antes de colocá-los. Por favor, tomem muito cuidado!!”, finalizou.