Café verde: saiba mais sobre suplemento que promete emagrecimento

Café verde: saiba mais sobre suplemento que promete emagrecimento

Suplemento alimentar rico em ácido clorogênico e cafeína tem ação antioxidante, termogênica e estimula o metabolismo

O café verde é um suplemento alimentar rico em ácido clorogênico e cafeína, que possui ação antioxidante e termogênica. Ele estimula o metabolismo e faz com que o organismo gaste mais energia mesmo que esteja em repouso. Também dificulta a absorção de gordura, o que o torna um aliado em planos de emagrecimento.

Esse suplemento alimentar é preparado com os grãos de café que não passam pelo processo de torra, isso permite manter uma maior quantidade de substâncias ativas. O café verde pode ser encontrado em cápsulas vendidas em lojas de produtos naturais, farmácias ou drogarias.

O suplemento deve ser usado com orientação do médico ou nutricionista, pois é necessário considerar o consumo total diário de cafeína e estabelecer a dosagem adequada. O uso excessivo causa efeitos colaterais como insônia, agitação ou até palpitação cardíaca.

Para que serve

O suplemento de café verde tem propriedades antioxidantes e termogênicas, especialmente devido ao ácido clorogênico presente em sua composição. O suplemento pode ser indicado para auxiliar no tratamento de obesidade, diabetes ou pressão alta em hipertensos leves.

Além disso, por conter cafeína, o café verde ajuda a melhorar a disposição, a sensação de bem-estar e a reduzir a sonolência e o cansaço.

Café verde emagrece?

O café verde pode ajudar em planos de emagrecimento justamente por seu efeito termogênico. Ele estimula o metabolismo e fazendo com que o organismo gaste mais energia e aumente a queima de gordura.

No entanto, para obter esse benefício, é necessário que o uso das cápsulas esteja associado à prática de atividades físicas e a uma alimentação equilibrada, rica em frutas, vegetais e carnes magras.

Possíveis efeitos colaterais

Quando consumido em excesso ou por um tempo prolongado, o suplemento pode causar efeitos colaterais como ansiedade, irritabilidade, agitação, insônia, tontura, tremores e batimentos cardíacos acelerados. O uso contínuo também pode irritar o estômago e o intestino, provocando enjoos, vômitos ou diarreias.

Além disso, pessoas que não estão habituadas a tomar café podem sentir dor de cabeça devido à quantidade aumentada de cafeína na circulação sanguínea.

Quem não deve usar

O café verde não deve ser utilizado por crianças, mulheres grávidas ou que estejam amamentando, pessoas com pressão alta, úlceras no estômago ou que possuam doenças no coração, como arritmia cardíaca, por exemplo.

Além disso, pelo fato de conter cafeína, deve ser evitado por pessoas que sofrem de glaucoma, insônia, ansiedade, enxaqueca, zumbido e labirintite, pois pode piorar os sintomas.

Também não deve ser usado junto com outros suplementos que contenham cafeína, pois pode aumentar o risco de efeitos colaterais. (Com informações do portal Tua Saúde)

Fonte:  Metrópoles